Transpor as barreiras ideológicas

La ciber policia en Cuba from Coral Negro on Vimeo.

 Você é dos que fabrica mentiras ou dos que acredita nas mentiras? Gostaria de fazer esta pergunta ao orador que revela uma complicada teoria da conspiração neste vídeo. Se se trata de alguém que só transmite uma mensagem, então a resposta é simples: a falsidade é preparada mais acima e ele é um emissário apenas. Porém temo que parte do que expõe frente a estes militares sombrios – que exibem uma constelação de estrelas nos seus uniformes – é de sua própria lavra, gestou-se em seu interior. Sua longuíssima intervenção ponteada por palavras como “inimigo”, “operativo” e “os maus”, faz-me ver que se pode estar falando de tecnologias muito modernas com uma linguagem bem defasada. Não parece entender as afinidades e laços que sítios como Facebook e Twitter tem, pois aplica a estes o prisma do fabricado, antes de reconhecer que os indivíduos por si mesmos se agregam e, horror, transpõem as barreiras ideológicas. Mesmo que pudesse chegar a ser brilhante em ciências da computação, este jovem estaria reprovado em ciências sociais.

Sobre estas bases fictícias traçaram estratégias que apenas prejudicarão a blogosfera alternativa. Enquanto acreditam que o impulso não brota de nós mesmos, mas que outros nos manobram como marionetes, desenvolverão táticas que farão muito barulho, porém apresentarão pouco resultados. Reconhecer que o homem novo – seu homem novo – cansou-se de ser um soldado, de repetir palavras de ordem, de aplaudir nos eventos políticos e agora quer ter seu próprio espaço de expressão, seria como confessar que fracassaram. Todos os muros e os limites que nos colocaram na Cuba real, estamos transpondo neste espaço infinito que tanto lhes tira o sono. Se já não podem nos controlar, deixemos-lhes ao menos o consolo de nos desqualificar.

*Agradeço a comentarista do meu blog que enviou o link deste vídeo cuja distribuição é a prova palpável de que nossos governantes perderam o monopólio informativo, inclusive das suas matérias confidenciais. Viva o Cubaleaks!

Nota da tradução inglesa: Devido ao tamanho deste vídeo não será possível fazer uma tradução. A essência deste é uma explanação detalhada de como Yoani e outros blogueiros dissidentes são classificados pelo governo como inimigos contra-revolucionários controlados pelos Estados Unidos e Espanha. Há uma orgulhosa enumeração dos blogs “Revolucionários” e da precisão dos ataques contra Yoani e colaboradores. A crítica principal mirando os blogs alternativos é que estes estão tentando quebrar “barreiras ideológicas” (colocadas pelo regime de Castro). O termo “direitos humanos” é repetido como uma obscenidade. Num ponto a tela mostra o “blog” de Fidel e quantos hits ele tem. (mais de meio milhão!)

Traduzido por Humberto Sisley de Souza Neto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s