Dizer "não"

Um apresentador de televisão deu nome a um adorno engraçado, em forma de cachorro, que se coloca no interior dos automóveis. Concordar todo o tempo valeu a este condutor que o comparassem com os bichos de pelúcia que movem a cabeça em cada salto da carroceria, enquanto simulam dizer “sim”. O referido senhor sempre ratifica o que dizem seus chefes, daí que o pescoço se lhe torne flexível quando dirige um dos programas com menor audiência da televisão cubana.

Uma amiga mexicana me presenteou esta tartaruga que diz “não”, a qual me faz recordar as negativas que os cidadãos nunca pudemos expressar em público. No rítmo deste simpático quelônio, gostaria de enfatizar tudo aquilo que desaprovo porém que não me permitem decidir com uma cédula. Mover a cabeça para os lados quando não se está de acordo implica numa quota maior de valor que assegurar ou consentir todo o tempo. O esporte de dizer “sim” custou demasiadas perdas à minha geração, que arca com as consequencias das aquiescências e acordos que nossos pais fizeram.

Poderiamos começar por dizer “não” ao centralismo, a burocracia, o culto a personalidade, as proibições absurdas e a gerontocracia. Como um ventilador que gira da direita para a esquerda, assim me moveria se alguém me consultasse sobre a gestão do atual governo. “Não” é a primeira palavra que brota quando me perguntam se a Cuba de hoje se parece com a que me prometeram quando era menina. Minha desaprovação não será transmitida na televisão, nem me valerão as palmadinhas complacentes de algum chefe, porém ao menos não é automática como o “sim” do cachorrinho de plástico que aparece atrás dos parabrisas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s