Carapaça dura


A tolerância aos que exerciam – sem licença – transportes privados havia durado muito. Durante dois anos foi a flexibilização mais conhecida e abrangente do governo Raúl Castro, ainda que a imprensa estrangeira tivesse prestado maior atenção à possibilidade de comprar um computador, fazer um contrato de celular, hospedar-se num hotel ou usufruir por dez anos um pedaço de terra. A permissão aos “boteros” (motoristas privados) influenciou mais o nosso cotidiano do que estes novos serviços em moeda conversível ou que a soçobrada reforma agrária.

Na última sexta-feira as ruas da minha cidade amanheceram com poucos táxis coletivos, pois novos regulamentos exigem que tenham uma licença. Entendo que as atividades econômicas tenham encargos e inspeções que as regulem, porém tenho medo de que esta medida reduza a mobilidade de milhares de pessoas. Não estou falando de uma elite que pode pagar dez pesos cubanos – o salário de uma jornada – para ir de Centro Havana ao município Playa, pois nesses velhos automóveis se locomovem pessoas de todos os estratos sociais. Do estudante que deve chegar às aulas no horário, até o aposentado que vai visitar seus netos em Mantilla ou o músico que dá um conserto num clube noturno.

Os “almendrones” (táxis privados) exibem qualidades de que o transporte público carece: confiabilidade, uma boa frequência e acesso à todas as regiões do país. Estes desmantelados automóveis tem sido testemunhas de sucessivos planos para reabilitar os ônibus estatais e também têm visto como estes retoques momentâneos se desfazem. Têm o mérito de haver resistido aos estritos controles, a “mordida” obrigatória que os fazem pagar alguns policiais, as limitações para comprar peças de reposição e ao alto preço do combustível. Apesar de tudo isso, estes veículos ovais mantêm sua dura carapaça rodando pela cidade. Esperamos que sua obstinada estrutura seja a prova de choques e destas novas limitações.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s