Catástrofes pessoais

Avión ATR 72 (CU-T1545) de Aerocaribbean, similar al avión accidentado hoy, en el aeropuerto de Holguin, Cuba.

Quantos dramas humanos circundam cada morto no acidente do vôo 883 da Aerocaribbean! Na lista de passageiros a coincidência entre alguns sobrenomes sugere que se perderam pais e filhos, irmãos e irmãs e casais com seus rebentos. Recordo que entre os nomes citados no noticiário da manhã estava o de um turista japonês que também perdeu a vida a milhares de kilômetros dessa outra Ilha tão diferente da nossa. Não posso deixar de pensar nele nem no resto dos mortos de um avião que só deveria ser o modo, a ponte, o caminho, porém nunca o final.

Por trás de cada um dos 40 passageiros cubanos a tragédia também é enorme. Eles compraram aquele bilhete fatídico três meses antes da data de partida e fizeram uma longa fila para ter acesso a um meio de transporte que neste país é exíguo e extremamente caro. Provavelmente sentiram-se aliviados ao saberem que poderiam fazer o percurso entre Santiago de Cuba até Havana em algo menos caótico do que um trem nacional. Sua presença naquele ATR 72/212 foi a conclusão de uma sequência que começou justamente quando sentiram a necessidade – ou o desejo – de viajar dentro de Cuba e que só terminaria ao chegar ao seu destino.

A desventura se esconde em qualquer lado, isso é sabido, porém é difícil processar a idéia de gente subindo a escadaria de um avião e pouco tempo depois terem seus nomes lidos – com voz fúnebre – na televisão nacional. Repasso vez por outra as imagens do possível abraço que ficou esperando no aeroporto de chegada, da mãe que soube em Buenos Aires ou Amsterdam que seu filho não voltaria ou da esposa se despedindo do piloto enquanto pensava que – como em todas às vezes anteriores – logo estaria de regresso à casa. São as catástrofes pessoais, os dramas humanos que começam a se desencadear no mesmo minuto em que um avião se precipita ao chão.

Traduzido por Humberto Sisley de Souza Neto

About these ads

Deixar uma resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s